Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Como passar em medicina para a USP?

Olá, amigo vestibulando! Você que está querendo se preparar para a FUVEST e alcançar a aprovação na USP para Medicina, precisa saber de algumas questões importantes para o seu sucesso.

Você sabia que para se preparar para o vestibular da FUVEST, a estratégia utilizada é bem diferente  da utilizada para se preparar para o ENEM? Ao se preparar para a FUVEST, automaticamente você se prepara para Medicina na UNESP e USP. Além disso, é muito importante que você saiba de ponta a ponta o edital desse vestibular.

Quais disciplinas estudar para a FUVEST

Quem busca uma vaga na USP, precisa focar nas seguintes disciplinas:

  • Redação               
  • Português               
  • Literatura                 
  • Química                
  • Física
  • Biologia

Focando nessas disciplinas, você garantirá cerca de 75% da pontuação total da prova. Esse percentual garante, inclusive, uma boa nota para a 1ª e 2ª fases.

peso-de-cada-materia-na-nota-final-da-fuvest

A primeira prova da FUVEST apresenta 90 questões de múltipla escolha que o candidato deve responder em até cinco horas de prova. As questões são divididas entre as disciplinas do Ensino Médio, sendo elas História, Geografia, Matemática, Física, Química, Biologia, Inglês, Português e Literatura. Além disso, assim como ENEM, apresenta questões interdisciplinares.

A edição de 2019 conta com 127.786 inscritos, incluindo os treineiros (alunos que não estão aptos ou não concluíram o segundo grau).

É importante ressaltar que o conteúdo da Fuvest é bem mais amplo que o do ENEM. Simplificando a informação, podemos esclarecer que a Fuvest cobra praticamente tudo que o candidato estudou durante o Ensino Médio.

Como calcular a nota da FUVEST?

A partir do exame da primeira fase, dá-se a nota de corte. Essa nota é calculada da seguinte maneira:

V → Número de vagas na carreira.

MC → Média da pontuação dos candidatos nesta carreira que não tiveram a prova anulada.

N → Número de convocados para a primeira fase.

K → Parâmetro definido pela regra específica.

Com a expressão N = K x V, é dado o número de candidatos para segunda fase. Convertendo a pontuação para a base decimal, será obtida a nota do candidato, para fins de cálculo na nota final.

Os candidatos que fizerem menos de 30% da prova estão automaticamente eliminados.

Com algumas mudanças já confirmadas para o ano de 2019, a segunda fase acontecerá em duas datas em janeiro, os dias 6 e 7. No dia primeiro dia, será aplicada a prova de português, com 10 questões, e uma redação. Já no segundo dia, serão 12 questões de peso igual. No caso de vestibular para Medicina, serão sobre quatro disciplinas.