REGÊNCIA VERBAL

É aquela que trata das relações entre o verbo e seus complementos. A lista abaixo enumera os problemas mais comuns nas diversas provas de concursos públicos da regência verbal.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

REGÊNCIA VERBAL

Assim, apresentam-se o verbo, as possíveis regências e seus significados, além da preposição exigida pelo verbo quando for o caso:

a) Abdicar

Constróise com objeto direto ou indireto.   

Não podia abdicar dos privilégios.

Intensivo 2020

Um curso preparatório para o ENEM totalmente a distância, com simulados, redações corrigidas e comentadas, 4 aulas ao vivo, acervo de mais de 500 aulas gravadas para baixar em seu smartphone e assistir em qualquer lugar e a qualquer momento!

No Plano Intensivo você tem acesso a 2 turmas: a turma prodígio, que começou em maio, a turma intensiva que irá iniciar em agosto.

Intensivo

Validade: 6 meses de acesso

  • 20 Aulas ao vivo por semana
  • 2 Simulados
  • 2 Redações Corrigidas por mês

R$ 544,44

12x de: R$

R$ 18,90

Eu quero

O imperador abdicou o trono.

b) Aspirar

Com o sentido de sorver, cheirar é verbo transitivo direto.

A menina aspirou o perfume das flores

Intensivo Plus

A prepara'ç˜ção mais completa para estudar

Curso preparatório para o ENEM e para os Vestibulares de São Paulo, como Fuvest e Unicamp, que não utilizam o ENEM como forma de ingresso, com apoio pedagógico, plano de estudos, aulas ao vivo, mais de 500 aulas gravadas, aulas de nivelamento, aulas com técnicas de redação e tudo o que você precisa para conseguir aquele notão no vestibular!

Intensivo Plus

Validade: 06 meses de acesso

  • 4 Aulas ao vivo por semana
  • 3 Simulados
  • 3 Redações Corrigidas por mês

R$ 493,50

12x de: R$

R$ 22,90

Eu quero

Com o sentido de almejar, pretender é verbo transitivo indireto (preposição: a)

O candidato aspirava a um cargo elevado.

c) Assistir

Sentido de ver, presenciar: verbo transitivo indireto (a)

Os cinéfilos assistiram ao filme alegres.

Sentido de prestar assistência: verbo transitivo direto      

A bela moça assistia os enfermos na casa de saúde.

Sentido de caber, pertencer = verbo transitivo indireto (a)           

Este é um direito que assiste ao réu.

Sentido de morar, residir = verbo intransitivo (em)

Os apóstolos assistiam em diversos lugares.

d) Chamar

Sentido de convocar, fazer vir: verbo transitivo direto

O técnico da seleção chamou os jogadores “estrangeiros.”

Sentido de apelidar, dar nome a alguém = verbo transitivo direto ou verbo transitivo indireto seguido de predicativo (com ou sem preposição)

Chamaram-no bobo.

Chamaram-no de bobo.

Chamaram-lhe bobo.

Chamaram-lhe de bobo.

e) Chegar/ ir

Constróise com adjunto adverbial introduzido pela preposição (a):

O homem chegou ao bar e foi ao banheiro.

f) Custar

No sentido de ser difícil, custoso é verbo transitivo indireto e constróise apenas nas terceiras pessoas.

Custou-me a elaboração (elaborar) da prova do exame.

g) Esquecer / lembrar

Quando são pronominais, constroemse como verbos transitivos indiretos (de)

Não me esquecerei nunca de você.

Quando não são pronominais, constroemse como verbo transitivo direto

Esqueci meu casaco no carro.

h) Implicar

Significando envolver, requerer, tornar necessário é verbo transitivo direto:

A construção de estradas implica vultosos recursos.

i) Informar

Pede objeto direto de pessoa e indireto de coisa ou viceversa.

O instituto informou a população dos índices inflacionários.

O instituto informou à população os índices inflacionários.

j) Namorar

É verbo transitivo direto

A menina namorava todos os garotos da rua.

k) Obedecer/ desobedecer

São verbos transitivos indiretos (a)   

O soldado obedeceu ao comando do sargento.

OBSERVAÇÃO

Tais verbos constituem-se em exceção à voz passiva, pois admitem-na mesmo não sendo transitivos diretos.

O comando do sargento foi obedecido pelo soldado.

l) Pagar/ Perdoar

Constróise com objeto direto de coisa e objeto indireto de pessoa.

verbo transitivo direto (coisa):

Pague suas contas em dia.

verbo transitivo indireto (a) (pessoa):

Perdoa a teus inimigos.

m) Preferir

Constróise com objeto direto e indireto. “Preferir” não admite a conjunção comparativa “(do) que” e expressões de reforço como “mais”, “menos” etc.

Prefiro futebol ao basquete.

n) Proceder

Significando ter fundamento = verbo intransitivo

Seu argumento procede.

Significando originarse, vir de algum lugar = verbo transitivo indireto (de)

Isto procede do senhor?

Significando dar início, executar = verbo transitivo indireto (a)

O secretário procedeu à leitura das atas.

o) Querer

Com sentido de desejar = verbo transitivo direto

Eu quero apenas olhar os campos.

Com sentido de estimar, ter afeto = verbo transitivo indireto (a)

Os filhos querem muito aos pais.

p) Simpatizar / antipatizar

Nunca são pronominais e pedem objeto indireto regido pela preposição com

Simpatizei com seus projetos.

q) Visar

Sentido de mirar = verbo transitivo direto

O arqueiro visou o alvo.

Sentido de dar visto = verbo transitivo direto

O gerente do banco visou os cheques.

Sentido de ter em vista, objetivar = verbo transitivo indireto (a)

O professor visava ao sucesso de seus alunos.

CADASTRE-SE

E receba em primeira-mão todas as novidades dos Vestibulares, Ofertas, Promoções e mais!