GEOMETRIA ESPACIAL – CONES

Aprenda sobre Cone Circular, Elementos do Cone, Classificação, Planificação do Cone Circula Reto, Ângulo do Setor da Planificação e Área Lateral, Volume, Seção Meridiana e Cone Equilátero.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

 

CONE CIRCULAR

Considere agora, um circulo no plano, e um ponto V fora desse plano. Chamamos de cone circular a reunião dos segmentos de reta com uma extremidade em P e a outra nos pontos do círculo.

ELEMENTOS DO CONE

Prodígio VIP

Com o novo plano Prodígio VIP você conquista a tão sonhada vaga na Universidade. Assine agora e garanta a melhor preparação sem sair de casa! São 50 aulas por semana, 8 simulados ao longo do ano, monitorias ilimitadas, exercícios resolvidos em vídeo e 4 redações mensais corrigidas e comentadas para você treinar bastante e garantir aquele notão!

No Prodígio VIP você tem acesso a 4 turmas: a turma prodígio, que começou do zero agora em maio, a turma extensiva, a turma medicina e a turma de Vest SP. Além disso, você também conta com todos os projetos extras do ProEnem!

Prodígio Vip

Validade: 12 meses de acesso

  • 50 Aulas ao vivo por semana
  • 8 Simulados
  • 4 Redações Corrigidas por mês

R$ 544,44

12x de: R$

R$ 23,90

Eu quero

Considere o cone apresentado. Chamamos o ponto V de vértice do cone; o círculo de centro O de base do cone; o raio r desse círculo é o raio da base; o segmento com a extremidade em V e a outra nos pontos da circunferência da base de geratriz; a distância entre o vértice e o plano da base de altura e a reta que passa pelos pontos V e O de eixo.

CLASSIFICAÇÃO

Tomemos o eixo do cone, chamamos o cone de oblíquo quando seu o eixo não é perpendicular ao plano da base, ou seja, quando o eixo forma, com a base, um ângulo diferente de 90°. Chamamos de cone reto àquele cujo eixo é perpendicular ao plano da base.

O cone circular reto também é chamado de cone de revolução, pois é formado pela rotação de um triângulo retângulo por um de seus catetos.

PLANIFICAÇÃO DO CONE CIRCULAR RETO

Prodígio Plus

Seu sonho é ser chamado de Dr. ou Dra.? Deixa com a gente!

O novo plano Prodígio Plus tem uma preparação diferenciada pro Enem e outros vestibulares.

São 30 aulas semanais num plano de estudos de 26 semanas; 5 simulados com questões inéditas, feitas pelos professores do ProEnem; exercícios com resolução em vídeo e monitorias ilimitadas para você tirar todas as suas dúvidas. E mais: o plano Prodígio Plus conta com 2 redações corrigidas e comentadas por mês para levar você cada vez mais perto da tão sonhada nota 1000.

Prodígio Plus

Validade: 12 meses de acesso

  • 30 Aulas ao vivo por semana
  • 5 Simulados
  • 2 Redações Corrigidas por mês

R$ 493,50

12x de: R$

R$ 19,90

Eu quero

Considere um cone circular reto, de raio da base R e geratriz g. Sua superfície lateral pode ser desenrolada em um setor de raio g, cujo arco tem comprimento 2pR, assim como sugere a figura.

Dessa maneira, podemos calcular o ângulo do setor planificado e sua área lateral relacionando-os com R e g.

Considere um setor circular de ângulo q e comprimento de arco l. Observemos que ao dobrar o comprimento l, dobramos também o ângulo do setor e sua área correspondente.

Dessa maneira podemos afirmar que, dado um setor circular são diretamente proporcionais:

o ângulo q correspondente a esse setor,

 o seu comprimento de arco;

a área do setor.

Dessa maneira, por meio de uma regra de três, determinamos as medidas do ângulo q da planificação da superfície lateral e de sua área lateral.

ÂNGULO DO SETOR DA PLANIFICAÇÃO E ÁREA LATERAL

Considere a planificação da superfície lateral de um cone reto, como mostra a figura abaixo:

Calculando o ângulo q, temos:




Calculando a área da superfície lateral, temos:



Prodígio

Se você ainda não começou a estudar para o Enem, relaxa! A gente te ajuda! Com o novo plano Prodígio, vamos te ajudar a entrar para o time dos aprovados. ;)

Você terá um plano de estudos de 26 semanas, com 20 aulas semanais de todas as matérias, que abordarão todo o conteúdo sua prova. Também contará com monitorias ilimitadas, para tirar as dúvidas que surgirem das aulas assistidas, 3 simulados com a mesma quantidade de questões e tempo de prova do Enem, exercícios semanais com resolução em vídeo para você fixar bem todo o conteúdo das aulas e uma redação corrigida e comentada por mês.

Prodígio

Validade: 12 meses de acesso

  • 20 Aulas ao vivo por semana
  • 3 Simulados
  • 1 Redação Corrigida por mês

R$ 411,80

12x de: R$

R$ 14,90

Eu quero

Como a área total é a soma da área lateral com a área da base, temos:

Atotal = Abase + Alateral

Atotal = pR2 + pRg

Atotal = pR(R + g)

VOLUME

O volume de um cone é calculado assim como o volume de uma pirâmide, ou seja, pela terça parte do produto da área da base pela altura. Dessa maneira:

Considere um cone cujo raio da base é R e altura h.

Seu volume é dado por:

SEÇÃO MERIDIANA

Chamamos de seção meridiana a interseção do cone com um plano que contém o seu eixo.

Observe que a seção meridiana de um cone circular reto é um triângulo isósceles.

CONE EQUILÁTERO

Chamamos de cone equilátero todo cone reto cuja geratriz é igual ao diâmetro da base, ou seja, é o cone cuja seção meridiana é um triângulo equilátero.

Assim, temos que a geratriz é e a altura do cone é .

A planificação da superfície lateral do cone equilátero é um semicírculo.

Note que o ângulo na planificação é:

Ou seja, o ângulo da planificação do cone equilátero é 180° e, portanto, um semicírculo.


Exercício resolvido

Uma tulipa de chope tem a forma cônica, como mostra a figura ao lado. Sabendo-se que a sua capacidade é de 100 p ml, a altura h é igual a:

Solução:

CADASTRE-SE

E receba em primeira-mão todas as novidades dos Vestibulares, Ofertas, Promoções e mais!