MISTURA DE SOLUÇÕES – SOLUTOS DIFERENTES QUE REAGEM ENTRE SI

Aprenda sobre Solutos Diferentes que Reagem entre Si.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Exercício Resolvido:

20 ml de uma solução de 0,5 mol/L foi misturado com 30 ml de uma solução de 0,3 mol/L. Determine a concentração final, em mol/L, do reagente que está em excesso.

Solução:

Intensivo 2020

Um curso preparatório para o ENEM totalmente a distância, com simulados, redações corrigidas e comentadas, 4 aulas ao vivo, acervo de mais de 500 aulas gravadas para baixar em seu smartphone e assistir em qualquer lugar e a qualquer momento!

No Plano Intensivo você tem acesso a 2 turmas: a turma prodígio, que começou em maio, a turma intensiva que irá iniciar em agosto.

Intensivo

Validade: 6 meses de acesso

  • 20 Aulas ao vivo por semana
  • 2 Simulados
  • 2 Redações Corrigidas por mês

R$ 544,44

12x de: R$

R$ 18,90

Eu quero

Observe que os solutos são diferentes e reagem entre si, já que no 1º frasco temos um ácido e no 2º frasco uma base.

Cálculo do nº de mols do soluto em cada frasco:

1º frasco:

   —————-  

x  —————-  

Intensivo Plus

A prepara'ç˜ção mais completa para estudar

Curso preparatório para o ENEM e para os Vestibulares de São Paulo, como Fuvest e Unicamp, que não utilizam o ENEM como forma de ingresso, com apoio pedagógico, plano de estudos, aulas ao vivo, mais de 500 aulas gravadas, aulas de nivelamento, aulas com técnicas de redação e tudo o que você precisa para conseguir aquele notão no vestibular!

Intensivo Plus

Validade: 06 meses de acesso

  • 4 Aulas ao vivo por semana
  • 3 Simulados
  • 3 Redações Corrigidas por mês

R$ 493,50

12x de: R$

R$ 22,90

Eu quero

2º frasco:

   —————  

 y    —————   

Agora devemos definir as proporções estequiométricas em que os solutos reagem. Para tal podemos proceder de duas formas:

1ª : Equacionar a reação química entre os solutos

2ª : Observar o nº de íons disponíveis no ácido e o nº de íons disponíveis na base. A água formada é o resultado da união de um íon proveniente do ácido e um íon OH proveniente da base. Assim, a quantidade de íons e deverá ser sempre igual.

Nesse caso, o e o disponibilizam, respectivamente, um H^+ e um , o que significa que reagem em proporção de 1 : 1.

Então, 0,009 mol de (reagente limitante), existente no 2º frasco só consegue reagir com 0,009 mol de . Assim, temos 0,001 mol de que não participa da reação (quantidade do reagente em excesso) e por isso faz a solução final ter caráter ácido.

Cálculo da concentração final do reagente em excesso:

  —————- 

x   —————-  

TITULAÇÃO

A titulação é um procedimento muito utilizado nos laboratórios de controle de qualidade das indústrias químicas. Consiste em determinar a concentração do soluto em determinada solução, fazendo esta reagir com uma outra solução de concentração conhecida.

Abaixo está representada a aparelhagem utilizada na titulação:

Exercício Resolvido

Com o intuito de verificar a concentração de NaOH em uma solução aquosa, 10 ml dessa solução, em presença do indicador fenolftaleína, foram titulados com uma solução de 0,1 mol/L. No ponto de viragem do indicador, verificou-se que foram necessários 20 ml da solução de titulante () para total neutralização do titulado ().

Determine a concentração de , em mol/L, na solução titulada.

Solução:

Cálculo do nº de mols de titulante que reagiu:

   —————-    

    x   —————-     

Agora devemos verificar a proporção estequiométrica em que H2SO4 e NaOH reagem.

Observe que o ácido disponibiliza 2 mols de H+ enquanto a base disponibiliza 1 mol de OH. Sendo assim, os solutos reagem na proporção de 1 mol de para 2 mols de NaOH.

Sabendo que 0,002 mol de foi necessário para a neutralização total, significa dizer que havia 0,004 mol de na solução titulada.

Cálculo da concentração, em mol/L, do NaOH na amostra titulada:

   —————  

y  —————    

CADASTRE-SE

E receba em primeira-mão todas as novidades dos Vestibulares, Ofertas, Promoções e mais!