RELAÇÕES DE TRABALHO

Aprenda sobre as Fases do Capitalismo.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

FASE DO CAPITALISMO COMERCIAL OU PRÉ-CAPITALISMO

Entre os séculos XV e XVIII, essa fase teve início com as grandes navegações e a expansão marítima europeia, quando a burguesia mercantil pretendia buscar mercados em outros lugares fora do continente. Nessa fase, as características marcantes do capitalismo foram: moeda que substituía o sistema de trocas, fortalecimento do poder da burguesia, introdução de mão de obra assalariada, busca de lucros e mudança de pensamento: a lógica é racional e materialista.

FASE DO CAPITALISMO INDUSTRIAL

Iniciou-se em meados do século XVIII e teve a máquina como meio de produção fazendo o trabalho que antes era realizado pelos artesãos. Essa fase começou na Inglaterra, aumentou as desigualdades, acentuou as diferenças de classe que caminhavam para a concentração de renda, além de desemprego e, em contrapartida, queda no preço dos produtos.

FASE DO CAPITALISMO MONOPOLISTA-FINANCEIRO

Prodígio VIP

Com o novo plano Prodígio VIP você conquista a tão sonhada vaga na Universidade. Assine agora e garanta a melhor preparação sem sair de casa! São 50 aulas por semana, 8 simulados ao longo do ano, monitorias ilimitadas, exercícios resolvidos em vídeo e 4 redações mensais corrigidas e comentadas para você treinar bastante e garantir aquele notão!

No Prodígio VIP você tem acesso a 4 turmas: a turma prodígio, que começou do zero agora em maio, a turma extensiva, a turma medicina e a turma de Vest SP. Além disso, você também conta com todos os projetos extras do ProEnem!

Prodígio Vip

Validade: 12 meses de acesso

  • 50 Aulas ao vivo por semana
  • 8 Simulados
  • 4 Redações Corrigidas por mês

R$ 544,44

12x de: R$

R$ 23,90

Eu quero

Fase que se iniciou no fim do século XIX, depois   da 2a Revolução Industrial, quando países altamente industrializados acumularam muito capital e pretendiam – como assim o fizeram – explorar áreas até então não industrializadas nem capitalizadas como a África e alguns países da Ásia./>

Essas regiões foram usadas como espaços de deslocamento desse capital excedente, busca por mão de obra barata, busca por matérias-primas etc. Essa empreitada ficou conhecida como Imperialismo, dando lugar a uma modalidade capitalista em que o capital bancário se aliava ao capital industrial, presente nas grandes corporações financeiras e no mercado globalizado no qual ainda estamos de certa forma inseridos.

FASE DO CAPITALISMO ESPECULATIVO

Fase que tem como principal símbolo o mercado de ações, o sistema de especulação na Bolsa de Valores, das Bolsas Eletrônicas e dos sistemas de negociação virtual e de “papéis” que ocorrem em tempo real, conectado por sistemas de informação e fusões que produzem os chamados oligopólios financeiros que fazem o capital ter caráter global.

Prodígio Plus

Seu sonho é ser chamado de Dr. ou Dra.? Deixa com a gente!

O novo plano Prodígio Plus tem uma preparação diferenciada pro Enem e outros vestibulares.

São 30 aulas semanais num plano de estudos de 26 semanas; 5 simulados com questões inéditas, feitas pelos professores do ProEnem; exercícios com resolução em vídeo e monitorias ilimitadas para você tirar todas as suas dúvidas. E mais: o plano Prodígio Plus conta com 2 redações corrigidas e comentadas por mês para levar você cada vez mais perto da tão sonhada nota 1000.

Prodígio Plus

Validade: 12 meses de acesso

  • 30 Aulas ao vivo por semana
  • 5 Simulados
  • 2 Redações Corrigidas por mês

R$ 493,50

12x de: R$

R$ 19,90

Eu quero

O ponto-chave é que a globalização permitiu que grandes corporações produzissem seus produtos em diversas partes do mundo buscando a redução de custos. Essas empresas, dentro de uma economia de mercado, vendem seus produtos a diversos países mantendo um comércio ativo de grandes proporções. A própria informatização acelera a circulação de serviços e mercadorias.

A informatização elevou a produção a níveis nunca vistos, ao mesmo tempo em que instaurou um processo de substituição da mão de obra pela máquina, fazendo com que o sistema capitalista mundial esteja produzindo cada vez mais sem empregar e, consequentemente, sem ter a quem vender. Pelo fato de o capitalismo contemporâneo se basear justamente na generalização da forma-mercadoria, esse paradoxo elevou a concorrência e a competitividade à condição de elementos-chave do sistema. Por isso, a formação de blocos econômicos foi uma primeira saída para enfrentar a escassez de mercado, protegendo e dinamizando os mercados intrablocos e aumentando o poder de inserção concorrencial interblocos.

RELAÇÕES DE TRABALHO

Esses diversos momentos do capitalismo geraram mudanças nas perspectivas em relação ao trabalho, que foi modificado, alterado e reformulado diversas vezes, trazendo novas possibilidades de vivência para os seres humanos. O trabalho como parte fundamental de nossa realidade, trouxe intensa vivência social, gerando grande importância na vida de cada indivíduo. O trabalho deixou de ser um relacionamento puramente ligado a renda, passando a ser parte da personalidade dos indivíduos.

CADASTRE-SE

E receba em primeira-mão todas as novidades dos Vestibulares, Ofertas, Promoções e mais!